POWr Multi Slider

12.4.16

uma das coisas que mais me fascina nas pessoas

Uma das coisas que mais me fascina nas pessoas é a capacidade que têm de olhar para o mesmo cenário, até ao mais ínfimo detalhe, e fazer duas leituras diferentes e completamente opostas. Como exemplo podem ser dadas duas mulheres que não têm qualquer relação uma com a outra. Mas que têm o mesmo peso, a mesma altura e o mesmo tipo de corpo. Estas duas mulheres estão com os mesmos sapatos e com a mesma roupa e ainda maquilhadas e penteadas de igual modo.

Ou seja, não estando juntas nem tendo qualquer relação, acabam por ser iguais, mesmo sem que nenhuma delas tenha o objectivo de imitar a outra. Mesmo assim, haverá quem olhe para uma e diga que é elegante e olhe para a outra, dizendo que é horrorosa. Na realidade a única coisa que muda é o olhar daquela pessoa porque as duas mulheres são iguais em tudo, falando apenas da imagem que passam.

E este exemplo pode ser aplicado a muitos outros cenários da sociedade em que duas pessoas fazem a mesma coisa mas que conseguem ser elogiados por pessoas que criticam outras que estão a fazer o mesmo, tal e qual. Por outro lado, também me fascina a reacção dessas pessoas quando confrontadas com a igualdade daquilo que está a ser feito. Ficam espantadas, não aceitam a igualdade, não a conseguem compreender, por melhor que seja explicada, e ainda conseguem, em alguns casos, ofender/criticar quem tenta explicar que os cenários são iguais.

8 comentários:

  1. Ou então uma é mesmo feia e a outra é mesmo bonita.
    A maquiagem nem sempre faz milagres

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estava a colocar em cenário duas mulheres iguais em tudo, apenas não estão juntas no mesmo local.

      Eliminar
  2. É um mistério complexo. O nosso olhar cria empatias ou o cérebro reage de forma diferente ao que o olhar lhe transmite. Isso acontece com as pessoas os animais, os locais. Eu costumo dizer quando não consigo simpatizar com alguém sem razão aparente, que o meu santo não cruza com o dessa pessoa. Porque é verdade. Às vezes simpatizamos com uma pessoa, sem razão aparente e sem razão aparente antipatizamos com outra.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas nem sempre podemos deixar que a empatia nos tolde a razão.

      Abraço

      Eliminar
  3. tu e as mensagens subliminares...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É um texto como outro qualquer. E aplica-se a tantas realidades com que me deparo diariamente.

      Eliminar