POWr Multi Slider

4.12.15

uma página que se vira

Existem alturas em que não me recordo da quantidade de anos que levo a trabalhar na mesma redacção. Noutras percebo que já passaram muitos anos. Hoje é um daqueles dias em que percebo que sou o jornalista com mais anos de casa nesta redacção. E percebo isto porque vejo partir uma amiga que hoje vira mais uma página na sua vida profissional. E percebo isto porque este momento leva-me a pensar em outros amigos que já viveram um dia como este.

Pessoas que me marcaram, independentemente das discussões que tivemos, porque redacção que é redacção tem de ter discussões (mal seria se não existissem) entre pessoas que gostam umas das outras. A pessoa que se vai hoje embora disse que aqui tinha uma “segunda casa”. E a expressão é mesmo esta. Quase que passamos aqui tanto tempo (ou mais) como aquele que passamos com as pessoas de quem gostamos. Principalmente nos fechos de edição. E esta tem sido também a minha segunda casa.

Ao longo destes anos já vi de tudo um pouco desde despedimentos colectivos até pessoas que encontraram um projecto melhor ou outras que mudaram de vida por completo. Por norma o dia do até já, que não gosto do adeus, é de festa. Ou almoçamos juntos ou cada um traz qualquer coisa e existe um repasto improvisado na redacção, aquilo que aconteceu hoje. Existem também as lágrimas dos que vão e de alguns que ficam e uma capa especial para a pessoa que vai embora.

É uma página que se vira. E a todas as pessoas que saem daqui em busca de algo melhor desejo o dobro do que desejo para mim. Que sejam muito felizes e que se realizem profissionalmente e pessoalmente. Hoje percebo que sou “velho” no tempo de casa. Quase que sou mobília. Hoje percebo também que, independentemente dos problemas com que lidamos, somos uma redacção bastante unida. São pequenas coisas como estas que dão sentido a esta carreira. E são memórias que acabam por ficar para sempre.

4 comentários:

  1. Significa que és um bom profissional, não esperava o contrário de ti. beijos e bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não é isso que está em causa. É a passagem das pessoas pela nossa vida e o tempo que permanecemos em determinado local.

      Beijos e boa semana.

      Eliminar
  2. É sempre triste quando isso acontece, mas faz parte da vida :)

    ResponderEliminar