22.10.14

beleza. a perfeição que não existe. ou renéegate

Depois de vários meses sem ser vista, Renée Zellweger voltou a aparecer em público. E conseguiu provocar uma onde mundial de espanto com a sua nova aparência, que levou a que uns dissessem que era Cameron Diaz e a que outros jurassem a pés juntos que não era a actriz que ficou famosa com as suas prestações em Jerry Maguire e Bridget Jones. Mas era mesmo Renée. Irreconhecível mas era a actriz, de 45 anos. De acordo com alguns especialistas na matéria, são evidentes algumas intervenções estéticas – algo que a actriz vinha fazendo ao longo dos anos – que passam, apenas para dar dois exemplos, pelo uso de Botox e um lifting às sobrancelhas.


Quando li as notícias lembrei-me imediatamente da procura da perfeição que não existe na beleza. Que não passa de algo que, como é o caso, se pode transformar numa perigosa obsessão. Não sou contra as intervenções estéticas mas acho que tudo na vida tem conta, peso e medida. E cada vez que recordo pessoas que não desistiram de encontrar a suposta perfeição estética, só encontro falhanços brutais. Só me recordo de pessoas que falharam redondamente e que perderam a beleza natural que tinham. É pena. 

36 comentários:

  1. Aaahh... Que pena... Não é que tenha ficado feeeeeia... Mas ficou tão descaracterizada... E ela tinha uma expressão tão característica, tão Renée... lol Não sei como explicar, mas acho que perdeu um bocado da identidade própria. Digamos que perdeu um pouco da sua imagem de marca. Mas na Beleza, as opiniões são ainda mais subjectivas (bem como a sua importância) do que em qualquer outra área. ;-)
    De facto, agora, a Renée faz-me lembrar um cruzamento entre a Daryl Hannah e a Cameron Diaz... LOL
    Bom dia! ;-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para mim, o problema não é se fica gira ou feia. É deixar de ser a mulher que era. Está completamente diferente. :( Os sites internacionais fazem a mesma comparação do que tu.

      Bom dia!

      Eliminar
  2. E neste caso acho que também é realmente uma pena...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostava muito do ar de menina que tinha e que perdeu.

      Eliminar
  3. Concordo ctg...os casos conhecidos resultaram em falhanços brutais... porventura são pessoas que não sabem enfrentar os encantos de ir envelhecendo...

    ResponderEliminar
  4. Credo!!!!! Quanto mais vejo exemplos destes mais gosto das minhas rugas:)

    jinhooooosssss

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que as pessoas devem cuidar-se mas sem extremos :)

      Beijos

      Eliminar
  5. Pois eu fui das que achei que era partida e fiquei chocada quando descobri que, afinal, era verdade. Compreendo que atendendo à profissão que tem, existem algumas exigências adicionais ao comum dos mortais. E, claro está, se a vontade da própria pessoa é fazer este tipo de alterações...
    Sou das que acha que vaidade e operações estéticas devem ter algum limite (cada um sabe de si, atenção!) para que não sucedam casos como este em que a pessoa fica irreconhecível. Estou a lembrar-me de alguns exemplos portugueses em que mais parece que lhes insuflaram as caras: ficou horrível e muito artificial.
    É por essas e por outras que eu prefiro ser a anónima da esquina!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por exemplo, acho que vai existir um novo filme de Bridget Jones. Se for com ela fica esquisito...

      Eliminar
  6. Eu ainda tenho dúvidas que seja a Renée Zellweger... Porque eu não reconheço a actriz na foto da direita!

    Já agora... Não era suposto ela ficar com um aspecto MAIS NOVO??? É que ela ficou com um aspecto MAIS VELHO!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece outra pessoa mas é mesmo ela.

      Ficou outra pessoa. E mais velha.

      Eliminar
  7. Era bem mais bonita antes. Não parece a mesma pessoa :(

    ResponderEliminar
  8. É incrivel o que os olhos mudam num rosto. Este tipo de característica em que a pálpebra é quase asiática tende a descair imenso com o passar dos anos. É necessária muita atenção para que a retirada do excesso de pele não transforme completamente a expressão. Veja-se o caso de Kenny Rogers que está hoje irreconhecível.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os olhos e as sobrancelhas. Mudam o rosto por completo.

      Eliminar
  9. Neste caso o "Teorema Tiririca" não se aplica!!

    ("Teorema Tiririca" - pior do que está não fica)

    ...fica ;)

    ResponderEliminar
  10. Talvez este seja o caso em que se perdeu qualquer coisas...sempre achei que a Renée tinha algo diferente, uns traços muito próprios que lhe davam imensa graciosidade; e agora, sinceramente acho que ficou a faltar qualquer coisa :(

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Para mim, perdeu o encanto (e era muito) que tinha :(

      Eliminar
  11. Independentemente do que lhe aconteceu, vou ter saudades das antigas feições.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Basta olhar para a foto da esquerda e bate logo a saudade.

      Eliminar
  12. É dos meus olhos ou ela perdeu completamente o ar de menininha? :s (ok, já não o era.... mas bolas... acho que era a imagem de marca dela)

    - e a verificação de carateres irrita-me :c

    ResponderEliminar
  13. Nem dá para dizer se ficou mais bonita ou mais feia... Está tão diferente que é como comprar duas pessoas distintas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Passou a ser outra pessoa. Pode andar na rua que ninguém se vai meter com ela.

      Eliminar
  14. Construir uma carreira no cinema sem sacrificios deve ser um exercicio dificil... Sempre admirei a Renée muito por causa da vida que deu a Bridget Jones, uma mulher real, com quilos a mais, problemas amorosos aos molhos e cuecas retro demodés. A sétima arte é ingrata... não é fácil deixar de associar o personagem à pessoa. Não a julgo, mas muito honestamente, admirava a conragem e a inteligência da mulher que tinha engordado de propósito para fazer o papel. Mudar para voltar à cena desta forma, é, de facto, uma pena.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que os sacrifícios não passam por operações deste género. Recordo-me, por exemplo, da Demi a quem pagaram os implantes mamários para fazer de stripper. Mas é algo completamente diferente disto. Tal como já pagaram a manequins para fazer campanhas de lingerie. De resto, passa pela caracterização e mudanças radicais de peso.

      Eliminar
  15. Não pode ser.... A de vestido preto não é a Renée... Estou em choque... Nem consegui ler direito o que escreveste...

    ResponderEliminar
  16. Que beleza é essa que procuram que a maquiagem não idealize?!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uma boa maquilhagem faz de qualquer mulher a pessoa mais bonita do mundo. Tal como uma má maquilhagem transforma uma pessoa no mais caricato dos palhaços de um qualquer espectáculo.

      Eliminar
  17. Não sou contra, mas a questão é a dependência ao botox.
    Vemos as actrizes Brasileiras e algumas ficam tão sem beleza.
    Se quiseres ler este post

    http://cantinhodacasa.blogs.sapo.pt/a-razao-do-post-anterior-781595

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou espreitar.

      Defendo que tudo o que é exagero nunca é bom. No caso das intervenções estéticas, isso é mais do que evidente.

      Eliminar