POWr Multi Slider

15.5.17

pessoas giras que nunca vão ser bonitas

"É uma pessoa gira que nunca será bonita". Ouvi esta frase num passado recente. Era sobre uma pessoa em específico, não importa quem, e as palavras ficaram na minha cabeça. Porque gosto da frase. Porque casa na perfeição com algumas pessoas. E porque é uma forma quase poética de definir um determinado grupo de pessoas. As tais que tendo tudo para ser bonitas, nunca conseguem ir além disso.

E o que é isto das pessoas giras que não são bonitas. Numa primeira análise soa a algo absurdo. Mas na realidade não é! São aquelas pessoas que gostam de olhar para si num pedestal onde não cabe mais ninguém. E de onde ficam a olhar, sempre para baixo, nunca para cima, para todos os outros. Para os restos da sociedade. Para os inferiores. Para os feios, para manter o mesmo registo no que ao vocabulário diz respeito.

São aquelas pessoas que "gozam" ou dizem mal dos seus pares. Leia-se das pessoas que têm (ou já tiveram) a mesma profissão. Que já estiveram sujeitas às mesmas regras. Que tiveram de cumprir determinados aspectos. Mas que, mesmo assim, parecem ser inferiores. Quando não o são. Quando até são pessoas extremamente simpáticas, que até são simpáticas no momento em que poderiam ser pessoas verdadeiramente lixadas.

A beleza física, sempre discutível, não é tudo. O papel de embrulho não faz o rebuçado. A caixa não determina a qualidade dos chocolates. As roupas caras não dão classe à pessoa. E por isso é que concordo que realmente existem pessoas giras que nunca vão ser bonitas. Por mais que achem que foram abençoadas com toda a, como diria o Fábio Coentrão, boniteza do mundo.

6 comentários:

  1. Concordo 100% com esta ideia.
    Há efectivamente pessoas com um exterior lindo e são horrorosas como pessoas.
    No entanto, acho que o exterior é o que conta para muita coisa, desde o emprego aos relacionamentos (quer de casal quer de amizade).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O exterior continua a ter uma importância muito grande. E em muitos casos tem mais valor do que deveria ter.

      Eliminar
  2. Eu não gosto da frase.
    Talvez porque a situo em outros contextos. Vou explicar: Várias vezes dou por mim a pensar "Fulano/a é giro/a, mas não é bonito". De certa forma, estou a distinguir, dentro do meu conceito de beleza, uma pessoa atraente mas que, ainda assim, não é bonita. É vistosa, digamos. E fico-me por aqui.
    Mas no contexto em que a inseres, não me faz sentido, porque está muito além da beleza em si, atinge outros domínios e, por isso, acaba por ser uma frase maldosa.

    ResponderEliminar