POWr Multi Slider

30.5.17

escolher um namorado igual ao pai... ou ao irmão

Certamente que já todos ouviram dizer que as mulheres têm tendência a escolher o namorado/marido à imagem do pai. Agora, surge um novo estudo que diz que as mulheres escolhem os homens com quem se relacionam à imagem do irmão. Numa primeira análise há quem olhe para estas ideias como absurdas. E talvez um pouco polémicas. Mas na realidade são mais do que normais. Pelo menos aos meus olhos.

As pessoas, sejam homens ou mulheres, passam boa parte da vida - em condições normais - junto dos pais. E refiro-me ao tempo em que se estão a formar enquanto adultos. E, mais uma vez em condições normais, lidam com um ideal de casal que passa pelos pais. Para quem olham como os protagonistas de um ideal de relação. Quem tiver irmãos, também passará muito tempo com eles. E esta realidade familiar acaba por estar muito presente na vida de cada pessoa.

Neste sentido considero normal que as pessoas escolham companheiros à imagem daquilo que conhecem como sendo bom. Por isso é que não olho para aquelas duas afirmações, a mais clássica e a mais recente, como sendo absurdas ou polémicas. Porque são bastante verdadeiras. E aplica-se a quase tudo na vida. Também temos tendência a escolher amigos com base naquilo que somos. Daquilo que conhecemos. E daquilo com que nos conhecemos.

Também existem aquelas pessoas que se atraem pelo oposto. Outra frase que é um clássico das relações. Nesta já acredito menos. Não numa fase inicial mas num futuro a longo prazo. Porque se as diferenças são muitas, dificilmente as pessoas vão conseguir manter-se lado a lado durante muito tempo. As diferenças acabam por levar a diversos pontos de ruptura no casal.

Sem comentários:

Enviar um comentário