POWr Multi Slider

13.10.16

assumo que sou um belieber

Justin Bieber tem algo que me irrita. E tanto me irrita neste cantor como me irrita em qualquer adolescente. E refiro-me às constantes birras e confusões. À eventual necessidade de alimentar a imagem de bad boy de que elas supostamente tanto gostam. Mesmo dando o desconto da dimensão da sua fama mundial, da dificuldade que poderá representar lidar com a mesma e sem esquecer que foi lançado para os holofotes da fama e para o escrutínio público com uma tenra idade, Justin Bieber perde um pouco neste lado.

Depois existe o outro lado da moeda. Aquele que realmente importa. Que diz respeito ao talento que tem. E não é preciso gostar daquilo que Justin Bieber faz para se perceber que existe qualidade no seu trabalho. Uma qualidade acima da média. E isso tanto se nota em canções mais popularuchas que são facilmente consumidas pelo público (como é o caso desta) como em temas que já estão noutro patamar, como é o caso deste tema, desta canção e ainda mais desta música, apenas para dar três exemplos.

A isto tudo junta-se o preconceito. Porque homem que é homem não ouve Justin Bieber. Até porque fica bem a um macho dizer que “o puto que tem a mania que é bom” só faz músicas para “pitas histéricas” que ficam loucas com muito pouco. Quando esta barreira é derrubada, e quando o falso guilty pleasure desaparece, muitos homens acabam por assumir que até gostam das músicas de Justin Bieber. E quando o fazem percebem que a sua masculinidade não foi beliscada por causa de um gosto musical, que é tão válido como outro qualquer. Sem qualquer preconceito ou ponta de vergonha assumo que sou um belieber.

2 comentários:

  1. Inicialmente custava-me muito ouvir musicas do Bieber... Tinha o tal preconceito do "puto mimado que faz musicas para pitas histéricas", até ao dia em que ouvi uma musica dele a que não o associei (Love yourself - https://www.youtube.com/watch?v=oyEuk8j8imI) e procurei a música no youtube... fiquei a ouvi-la e como tenho o youtube com o modo "reprodução automática" ligado, seguiram-se outras que também gostei, e assim caiu um "mito"... pelo menos para mim... Não deixa de ser um "puto mimado" aos meus olhos, mas tem musica bastante interessante...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A verdade é que ele tem muitas músicas extraordinárias. Mas muitas pessoas acham que são diminuídas intelectualmente se assumirem que ouvem.

      Eliminar