POWr Multi Slider

28.9.16

mulheres com classe vs mulheres com mau gosto

Recentemente duas modelos foram notícia no Festival de Cinema de Veneza por usarem roupa que muitas pessoas consideraram banal e imprópria para um certame como aquele. A generalidade das pessoas considerou que eram de mau gosto. Outras entenderam que cada qual veste o que quer. E que se têm corpos bem feitos devem usar e abusar da exposição corporal. Existem opiniões para todos os gostos. Uma das modelos era esta.


Agora, Letizia decidiu levar um vestido preto com renda à Ópera no dia do seu aniversário. Aqui as opiniões são semelhantes. A rainha de Espanha foi acusada de ousar em demasia. Ou seja, para muitas pessoas existe demasiada exposição corporal e uma rainha não pode vestir-se assim. Outras opiniões apontam para a normalidade do vestido da antiga jornalista.


Acho piada às pessoas se insurgiram contra aqueles que condenam vestidos como o da modelo. Até porque são essas pessoas que condenam Letizia por usar um vestido como este. E isto leva à discussão da linha que separa uma mulher com classe de uma com mau gosto. As mulheres são todas colocadas no mesmo saco ou a discussão é feita por compartimentos?

Uma modelo, porque tem um belo corpo, pode ir quase nua. Uma rainha, apenas porque é da realeza, não pode ter um vestido com renda nem mostrar as costas. É isto? Uma é mais mulher do que outra? As regras (da classe e do bom gosto) mudam consoante a mulher? Do estilo “aquela pode porque é modelo e a outra não pode porque é rainha”? É que se o modo de pensar é este posso dizer que não concordo com o mesmo.

Era bom que todas as mulheres se colocassem no lugar da rainha e não apenas no daquela mulher a quem muitos chamaram vulgar. Não podemos andar a bater com a mão no peito e a defender as mulheres que são acusadas de vulgares devido ao seu mau gosto (que é sempre discutível) ao mesmo tempo que acusamos a rainha de usar um vestido com renda do mais simples que existe (só não é simples no preço).

Não condeno aqueles que consideram que Letizia ousou em demasia no dia do seu aniversário. Só gostava que olhassem para todas as mulheres como rainhas. Ou então que olhem para todas como modelos a quem tudo é permitido sendo que ninguém está autorizado a dizer que a roupa escolhida lhe deu um ar vulgar.

6 comentários:

  1. Cada mulher veste o que entende, é certo, mas é exagerado e provocador o vestido da modelo.
    Ser sexy e sedutora, não vão por este tipo de roupa.
    Ok, ela é modelo, talvez vestisse o que achassem melhor para o seu corpo, mas não gosto.
    O vestido da rainha, porque não?
    Mas deita abaixo quem inveja.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas o que tem piada é que existem pessoas que conseguem defender o primeiro e criticar o segundo.

      Eliminar
  2. As coisas que preocupam certas pessoas ainda têm o "condão" de me irritar sobremaneira.
    O que é que interessa a fatiota de uma qualquer alminha, alguém é capaz de me explicar? Cada um veste o que gosta, ponto. São ridículas, não têm gosto? Sim, e depois?!
    Há tanta, mas tanta coisa importante e perde-se tempo com isto?
    Atenção, este reparo não tem nada a ver contigo, nem pensar, mas esta "conversa" que se vê em tudo quanto é revista, cor de rosa ou não, faz-me pensar na vacuidade de tudo isto.
    É óbvio que a vida não é só desgraças - se bem que estas prevaleçam - mas, por favor, há mais mundo para além do trapito que a mulher enverga.

    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os temos que envolvem mulheres dão sempre que falar. Numa altura que se fala muito das mulheres, só não percebo como é possível defender o primeiro vestido e criticar o segundo porque é uma rainha. Mas as mulheres são iguais ou não? Não deveriam viver todas com base nas mesmas "regras"?

      Abraço

      Eliminar
  3. Assinando embaixo ;-)

    Adorei o seu blog, sem blog (rs)...

    ResponderEliminar