19.12.15

sabor que não sendo meu é uma memória de infância

Existem sabores que mesmo não sendo nossos acabam por representar uma memória de infância. E bastou um email, na caixa de correio do trabalho, para recordar algo que não está directamente relacionado comigo. Se as bebidas tivessem equipas faria parte da “meia de leite”, na variante “de máquina” e “morna”. Raramente bebo sumos ao pequeno-almoço. Nem outras bebidas. Fui e continuo a ser um fiel membro da equipa meia de leite.

O email que recebi tinha por objectivo dar a conhecer o leite achocolatado Ucal sem lactose, uma novidade ideal para os intolerantes à lactose. E este produto, na sua versão tradicional, representa um daqueles sabores que não sendo meus são uma memória de infância.

O sabor do Ucal não é estranho para mim pois sou um consumidor ocasional. Mas não é por isto que representa uma memória de infância. É uma memória porque só de ler o nome recordo-me das vezes (e foram tantas) em que a minha irmã pediu Ucal para beber. Sendo que tinha de ser sempre fresco. Se era da equipa meia de leite, a minha irmã era da equipa Ucal fresco. E bastou um email para recuperar tantas memórias associadas a um produto específico.

6 comentários:

  1. UCAL fresco e uma bola de berlim se faz favor! Seja a que horas for. (até depois de uma noite bem regada que acabe à hora a que abrem as pastelarias eheh)

    ResponderEliminar
  2. há que tempos não encontrava o teu blog!
    um beijinho, feliz Natal

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aparece sempre que quiseres ;)

      Beijos e um santo e feliz natal para ti e para os teus.

      Eliminar