16.7.15

vou só ali deitar o meu filho ao lixo

Gostava de saber o que passa pela cabeça dos pais (pai, mãe ou ambos) que abandonam um filho de 15 dias, dentro de uma mochila que por sua vez está dentro de um saco do lixo, num contentor de lixo subterrâneo. Fica claro que o objectivo é esperar que o bebé morra senão seria abandonado noutro local ou entregue a uma instituição. Pessoas destas não merecem nada.  

26 comentários:

  1. Pessoas dessas merecem muita coisa. Nenhuma é minimamente boa.

    ResponderEliminar
  2. Um nojo!
    Também vi isso ontem, e fiquei agoniado e cheio de raiva!
    FDP!!

    ResponderEliminar
  3. Com tanta informação ainda se engravida sem querer? E desde 2007 que a interrupção voluntária de gravidez (vulgo aborto) é legal em Portugal. E mesmo assim ainda há a hipótese de entregar o bebé para adopção. Portanto, se o karma existe, estes 'pais' terão o que merecem!

    Ah, e não me falem em desespero e outras histórias da carochinha, optar pela via mais fácil nunca é a melhor opção!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É o terceiro filho da mulher...

      Isto não tem desculpa.

      Eliminar
  4. Só podem estar muito doentes, para além de terem também muitas incapacidades, inatas ou adquiridas por vidas extremamente dificeis

    ResponderEliminar
  5. Ainda os incluis no grupo de pessoas?
    Sem mais, porque a revolta, a fúria, a indignação não o permite.
    Abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E saber que a mulher tem mais dois filhos... medo!

      Eliminar
  6. Aos nossos olhos não merecem, mas vai-se a ver e têm tudo.
    Aos olhos de, quem quer e não pode ter filhos, a revolta é tão grande quando se ouve noticias dessas.....

    ResponderEliminar
  7. Respostas
    1. Deviam retirar-lhe já os outros dois filhos que tem.

      Eliminar
  8. Não sabes, não sabemos, mas quando foi posto na mochila, podia ter sido dado como morto, pelos pais. Não falemos do que não sabemos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sei que o pai não sabia de nada. Foi detido e libertado por isso mesmo. Sei que é uma mulher colombiana que tem mais dois filhos. Mulher que começou por negar o abandono mas que acabou por assumir. Como tal, sabia o que fazia.

      E, mesmo acreditando que a mulher pensava que o filho estivesse morto (algo fácil de comprovar) justificava que o abandonasse no lixo?

      Eliminar
  9. Respostas
    1. Espanha, arredores de Madrid. Foram dois polícias, que pensaram tratar-se de um gato, que salvaram a criança.

      Eliminar
  10. Realmente estas situações não merecem nada, não há perdão nem castigo suficientemente pesado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Deviam retirar-lhe já os dois filhos, tal como aconteceu na Madeira. Não é crime vender um filho (aquilo que a mulher da Madeira tentou fazer simulando depois um rapto) como tal não lhe aconteceu nada. Entretanto engravidou novamente (de outro homem), assim que a criança nasceu foi retirada pela segurança social.

      Eliminar
  11. Ainda por cima num lixo subterrâneo ? Isso é desumano, porque não entregá-lo numa instituição?
    Cada vez vez que leio estas coisas perco mais um pouco de fé na raça humana.

    ResponderEliminar
  12. Essa mulher não deve ser mãe de ninguém, nenhuma criança merece uma "mãe" assim. Para mim, além da castigo merecido, pode juntar-se a laqueação de trompas, para não haver riscos desse monstro dar à luz.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os outros filhos deviam ser retirados à mulher.

      Eliminar