1.6.15

hoje é o teu dia. amo-te

Hoje repartes o protagonismo com as crianças pois é o dia delas (aqui que ninguém nos ouve, escrevo isto para que as crianças não fiquem tristes pois este dia é especial por tua causa e o protagonismo, aos meus olhos, é todo teu). Mas o dia torna-se especial porque é o teu aniversário. Hoje celebra-se a data em que o mundo se tornou num local muito mais especial. Tudo por tua causa.

Há um ano respirava de alívio. Já tinhas sido operada. Já estavas em casa. Já se falava dessa maldita doença de forma mais ligeira mas todos, especialmente tu, sabíamos que ainda tinhas um caminho mais ou menos doloroso pela frente com tratamentos nem sempre fáceis e que se arrastaram durante meses. Por isso, há um ano festejei o teu aniversário e celebrei a vida. A tua vida, que acaba por ser a minha também.

Hoje tudo é diferente. Um ano passou. Os tratamentos acabaram. Tudo está bem. Já te despediste da peruca que todos acreditavam ser verdadeira (o Anhuca tem bom gosto e jeito para escolher essas coisas) e “exibes” o teu novo penteado que se destaca pelos curtos cabelos brancos (já te disse que ficas linda assim? Um borracho!). E isto é suficiente para que tudo mude em 12 meses. As pessoas à mesa vão ser as mesmas. A celebração vai ser igual. O encanto também. Mas haverá um pequeno detalhe que fará toda a diferença e é a tua disposição para festejar. Notei isso no meu aniversário e sinto que hoje será ainda mais especial.

Este ano sou eu o “limitado”. Sou eu o coxo. Mas podes ter a certeza de que tudo farei para que tenhas o melhor aniversário de sempre. Como mereces, ou não fosses a melhor mãe do mundo e a mulher mais encantadora que este mundo alguma vez conheceu. Até as pedras da calçada coram de vergonha quando passas por elas. Faço questão, porque sei que de vez em quando passas por aqui, de te deixar os parabéns aqui, num texto que ficará guardado. Amo-te muito Mãe. Parabéns e beijos gigantes em ti.

14 comentários: