POWr Multi Slider

16.10.14

assumpção é a mãe de todos os falhanços

Tenho um especial encanto pelos filmes de Steven Seagal. Actor que me habituei a ver no papel de homem que salva o dia com o seu característico rabo-de-cavalo e movimentos de luta. Nunca espero nada de extraordinário dos seus filmes mas sei que vou passar um bom bocado. Sobretudo com aqueles mais antigos, como é o caso de Força em Alerta 2, que costuma passar na televisão com frequência.

Neste filme, o actor dá vida a Casey Ryback e para variar salva o dia e a sobrinha, a jovem (e desconhecida na época) Katherine Heigl. É um simpático filme de acção mas não mais do que isso. Porém, contém uma cena que é uma verdadeira lição de vida. Trata-se de um diálogo entre o vilão e um dos mercenários que trabalham para si, numa altura em que tentam matar o personagem de Steven Seagal.

“Marcus Penn: When she shot the intruder, did you see the body?

Mercenary #1: No, just a shit load of blood, and I figured if you get run over by a train...

Marcus Penn: Did... you... see... the body?

Mercenary #1: I assumed he was dead!

Marcus Penn: Assumption is the mother of all fuck ups!”

Ou seja, o mercenário pensa que Casey Ryback está morto, apenas porque existiu um tiro, viu sangue e porque presumiu que tinha sido atropelado pelo comboio. Como tal, o vilão explicou-lhe, e bem, que a assumpção é a mãe de todos os falhanços. Aquilo que considero ser uma lição de vida que algumas pessoas, iguais ao mercenário, não conseguem aprender.

Dar algo como certo sem qualquer conhecimento de causa serve apenas para fazer figuras tristes. Para acabar com as dúvidas, dando a certeza de que nada se sabe sobre algo e que se conseguiu borrar a pintura quando se tenta fazer um brilharete. Tentando transformar isto em som, estes momentos terminam sempre com aquele som triste que se segue a uma piada mal conseguida.

2 comentários:

  1. Respostas
    1. É uma lição que muitas pessoas não aprendem. Mas são felizes a pensar que sabem tudo quando na realidade nada sabem.

      Eliminar