8.9.14

parabéns. e obrigado a todos

Hoje comemora-se o Dia Mundial da Fisioterapia. Para mim era impossível deixar passar este dia sem dedicar algumas palavras aos profissionais de quem muitas pessoas só se recordam quando têm algum problema físico. Talvez por praticar desporto desde tenra idade e por ter jogado futebol durante muitos anos, aprendi a olhar com outros olhos para os fisioterapeutas. Passei a ver nestes profissionais uma espécie de melhores amigos dentro do balneário ou os melhores oradores motivacionais que alguém lesionado pode escutar.

Muitas das memórias ligadas ao futebol são relacionadas com fisioterapeutas. Desde os mais desajeitados até aos melhores de todos. Mas a verdade é que eles estão lá sempre. Sempre disponíveis para nós, que só nos recordamos deles quando dói aqui ou ali. E são muito mais poderosos do que podem imaginar. Durante as minhas várias lesões, encontrei sempre refúgio juntos dos fisioterapeutas.

Era com eles que desabafava. Eram eles que ouviam os meus lamentos pelas lesões. Era a eles que apelava para que tudo corresse bem de modo a não falhar um jogo importante. E eram eles que faziam com que não ficasse desmotivado com o tempo passado na marquesa. Quem já teve várias lesões saberá certamente o bem que sabe quando se ouve da boca do fisioterapeuta que estamos prontos para fazer aquilo de que gostamos. Parece que só as palavras deles conseguem acabar com o bloqueio mental que nos leva a ter medo de fazer algo que possa levar a uma lesão no mesmo sítio. Por isso, foi com eles que festejei momentos importantes, como agradecimento pela ajuda.

Num passado não muito distante tive uma lesão que me obrigou a fazer dois tratamentos por semana durante várias semanas. Que foram feitos pelo mesmo fisioterapeuta. Que mais do que fisioterapeuta, rapidamente passou a ser um amigo e uma espécie de confidente. Que ainda fez de mim “cobaia” para mostrar um tratamento específico a uma estagiária. Não só impediu a minha desmotivação como me fez ter força para que a recuperação fosse a melhor (e mais rápida) possível. E este tipo de trabalho vai muito além de uma massagem ou tratamento com qualquer aparelho.

É por momentos destes e por tantos outros que este dia tem um significado especial para mim. É uma data dedicada a profissionais que, por norma, apenas são recordados quando algo está mal e que são rapidamente esquecidos quando tudo está bem. Não sei se está algum fisioterapeuta desse lado mas aqui ficam os meus parabéns e obrigado pelo bem que fazem. 

8 comentários:

  1. Em 2009, durante 7 meses, todos os dias à exceção de fins de semana, foram os meus mais fieis companheiros, e sempre com o mesmo discurso: - se fosses jogadora de futebol terias sido logo operada, [rutura total de 2 ligamentos].
    Profissionais, torturadores, benfeitores, amigos que deixei com um misto de satisfação e angústia por saudade antecipada.
    Para eles, e para todos os fisioterapeutas, parabéns pelo dia, pelo que são, e pelo bem que nos fazem, bem hajam!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Percebes na perfeição o que pretendi dizer. Obrigado.

      Eliminar
  2. São profissionais pacientes. Mas nem sempre lhes é reconhecido o trabalho.
    Beijinho


    ResponderEliminar
  3. Ainda bem que não conheço nenhum fisioterapeuta :))) Mas ainda bem que existem :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já perdi conta às lesões e aos tratamentos. Por isso conheço vários :)

      Eliminar
  4. Obrigado pelo texto e pelo reconhecimento da minha profissão que tanto me orgulho. Bons treinos e, não menos importante, boa recuperação!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado eu André. Vocês são muito mais importantes do que o reconhecimento que têm.

      Eliminar