3.6.14

aquilo que fui. o que sou. o que vou ser. objectivo concluído

No dia 13 de Fevereiro fiz a minha primeira avaliação com a Mariana Abecasis. Nesse dia, contrariamente ao que pensava, pesava 96,7 quilos (tenho 1,80m). O que me levou a ir ter com a Mariana foi um alerta da minha mulher. Que falou comigo e que, sem rodeios, me disse que podia estar melhor. Que era melhor para mim e para a minha saúde se estivesse com menos peso. Esse alerta foi aquilo de que necessitava para mudar de vida.

Como disse, não pensava ter aquele peso. Pensava que pesava menos. E naquela altura devia ter perdido um ou dois quilos que iam aumentar ainda mais o choque quando subi para a balança. Agora, este tempo depois, não tenho qualquer problema em assumir que estava desleixado. Porque estava. Mas era um desleixo invisível aos meus olhos. Tal como acredito que é para a maioria das pessoas que recusam assumir que estão com peso a mais.

O desleixo passava-me ao lado por vários motivos. Queria ir correr como corro hoje, ia. E corria sem qualquer problema. Queria ir jogar futebol, ia. E jogava como jogo hoje. Queria fazer uma aula de cycling, fazia. Tal como faço hoje. Custava-me um pouco mais mas fazia sem qualquer problema tudo aquilo que faço hoje. Vestia as roupas de que gostava e nunca me sentia verdadeiramente com excesso de peso. Tinha os meus momentos em que me sentia pior mas rapidamente os esquecia. Tal como ignorava quem me dizia que estava mais “gordinho”.

Naquele dia de Fevereiro decidi mudar de vida. E estipulei, como primeiro objectivo, baixar até aos 80 quilos. Algo que já consegui. Em menos de quatro meses. E sem grandes esforços. Hoje tenho 17% de gordura corporal quando tinha 25,9. Hoje tenho 63 quilos de massa magra, quando tinha 68,2. Passei dos 52,1 para os 58,8 de percentagem de água corporal e o meu índice de massa corporal está nos 24,6 quando era 29,8. Neste momento peso 79,8 quilos (provavelmente um pouco menos) e já dei início a um segundo objectivo que passa por baixar até aos 78 quilos (tinha ponderado os 75 mas acho que não preciso de lá chegar).

Este tempo passou depressa e sem qualquer esforço louco. Não andei a fugir da comida de que gosto. Não deixei de jantar fora de casa. Não deixei de beber vinho, de comer sushi, chocolate, gelados, caracóis ou o que quer que seja. Não tomei um único comprimido para perder peso. Não passei a ir mais horas ao ginásio. Até estou lá menos tempo mas com treinos mais intensos. A única coisa que mudou na minha vida foi o meu corpo. Que está mais saudável e tonificado. Apesar de já ter tido este peso quando estava na faculdade, estou na minha melhor forma física de sempre. Porque simplesmente decidi mudar de vida.

Olhando para o passado, lamento não ter tomado esta decisão mais cedo. Porque faço tudo aquilo que fazia quando tinha quase 97 quilos. A diferença é que aprendi a comer e que me sinto muito melhor. Por isso, agora percebo que o desleixo em que entrei (que acredito ser comum a muitas pessoas) é muito fácil de evitar. Sou apenas um exemplo de que é possível mudar sem esforço ou loucuras alimentares prejudiciais para a saúde. A única coisa que é necessária é força de vontade e o desejo de ser melhor.

24 comentários:

  1. Primeiro, parabéns pelo objectivo superado.
    Segundo, parabéns pelo esforço e empenho, por teres tido a força e a coragem por mudares e manteres a mudança.
    Estás no bom caminho :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Posso dizer que é muito mais fácil do que pensava. Mas é uma luta que depende apenas de nós. Se todas as pessoas disserem que sim mas tu achares que não, irás parar a meio do caminho.

      Obrigado :)

      Eliminar
  2. Em primeiro lugar deixa-me dizer que o teu blogue é honesto, transparente e humano. E agora gostava de saber onde é a nutricionista a que foste. Já ouvi falar mas não tenho ideia de onde seja. Obrigada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Cátia. Sabe bem ler isso.

      Deixo-te as informações que estão na página de facebook da Mariana. Se tiveres alguma dúvida envia-me email.

      Marque a sua consulta através de:
      91 796 94 26
      mariana_abecasis@hotmail.com

      Local das consultas:
      - Lisboa - Avenida 5 de Outubro, nº 10, 1º dto, sala 16
      - Belém - Ginásio Infante de Sagres

      Eliminar
  3. E eu que sei que tenho de perder peso, sei que não preciso de passar fome
    mas depois, quando ando mais stressada, lá se vai a reeducação alimentar
    e passo horas sem comer e depois como só ao jantar, eu sei, eu sei é muito pior.

    Enfim a ver se é desta que não desisto porque senão morrooooooooooo :P

    Parabéns pela persistência e também por falares abertamente sobre esta tua decisão !

    Bora lá :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É muito importante que te disciplines e que não falhes refeições durante o dia. Isso impede que chegues ao jantar cheia de fome, por exemplo.

      Força e estou aqui se precisares.

      Eliminar
  4. Estás de parabéns! :) Acho que mudar o estilo de vida, tal como tu fizeste, é muito melhor do que adoptar dietas restritivas... Vi-te no sábado e acho que estás com boa cara :) E corpo :)
    Keep going!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não te vi :(

      Infelizmente há quem ceda às dietas milagrosas em que não acredito. Pessoalmente, aconselho um percurso semelhante ao meu.

      Obrigado pelos elogios.

      Eliminar
    2. Eu sei que não viste... O fórum estava uma confusão :(
      Apesar de andar desaparecida nos comentários, continuo a passar aqui pelo blog quase todos os dias. Acho que os elogios são para serem feitos, assim como os agradecimentos!
      És uma das pessoas que me inspira a acordar às 6h30 da manhã para ir fazer uma aula ao ginásio antes de ir para o trabalho ou que me inspira a correr ao fim de semana. Ainda não corro nada de jeito, mas acredito que vá melhorando :P

      Obrigada :)

      Eliminar
    3. Essas palavras fazem com que tudo valha a pena. Conseguir ter esse impacto numa pessoa é muito bom e deixa-me orgulhoso. Em relação à corrida, tem cuidado. É um perigo não correr "nas condições" ideais. Por exemplo, evita correres muito em estrada.

      Obrigado :)

      beijos

      Eliminar
  5. Uau! Parabéns pela tua dedicação e esforço! És certamente um bom exemplo para muitas pessoas, que, para emagrecer não precisam coser a boca!

    (isto parece parvo, mas estou muito orgulhosa de ti) :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É muito bom ler as tuas palavras. Muito obrigado. O que me levou a revelar esta caminhada no blogue foi tentar servir de motivação para quem está indeciso em dar este passo.

      Obrigado :)

      beijos

      Eliminar
  6. Também comecei a dieta com a Mariana Abecassis este ano, em Janeiro e fiz a última consulta há duas semanas. Consegui perder o que precisava mas, o mais importante, é que consegui mudar completamente a minha alimentação. Sem grandes restrições e sem deixar de ir comer fora quando me apetecia. Deu trabalho, mas foi tão fácil.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Saberás melhor do que ninguém o que sinto neste momento. Soube-me bem quando me disse que podia fazer disparates quando me apetecesse por ter um comportamento exemplar :)

      Eliminar
    2. Compreendo perfeitamente e a Mariana é uma motivadora e tanto :D

      Eliminar
  7. Muitos, muitos e muitos parabéns! Deve ser aquela sensação de satisfação que não se descreve... sente-se. Com a determinação veio o sucesso. E o bem-estar não tem preço.
    Parabéns para ti e para tua mulher pelo apoio nesta "aventura"!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho de assumir que o empurrão dela foi muito importante para mim. E sim, não existem palavras que possam explicar o que sinto depois disto tudo.

      Obrigado

      Eliminar
  8. Parabéns meu caro. Eu também ando na minha luta, aliás até são 3 lutas. Falei sobre isso ontem pela primeira vez no blog. E um grande obrigado pelos conselhos dados.
    Grande abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estou aqui para o que precisares e sei que te vais safar bem.

      Grande abraço

      Eliminar